SL BENFICA | Pré-época: Encarnados derrotados diante o Marselha (2-1)

O Benfica foi esta quarta-feira derrotado pelo Olimpique de Marselha por 1-2. Perante 12.000 espectadores, em Clermont-Ferrand, a equipa de Jorge Jesus esteve algo irregular, muito por força das muitas ausências dos “mundialistas” mas também dada a actual situação, pouca definida, no que diz respeito à formação do seu plantel. Curiosamente, Gaitan, inaugurou o marcador aos 13 minutos mas a equipa francesa acabou por dar a volta aos acontecimentos. Entre o golo de Gignac, aos 20 minutos, num golpe de cabeça na marcação de um canto, e o golo da vitória já na 2ª parte por parte de Batshuayi, o jogo mostrou-se algo acidentado, com muitas faltas, algo atrapalhado e com uma expulsão de Jara.

Onze Inicial do Benfica:

Artur
João Cancelo, César, Sidnei, Benito
Ola John, Ruben Amorim, Talisca, Gaitán
Lima, Derley

Advertisements

Mundial 2014: Bélgica vence e segue para os 8ºs de final (1×0)

 

 

img_139000

 

 

A Bélgica venceu hoje o seu 2º jogo do Mundial 2014, ao vencer a Rússia pela vantagem mínima de uma bola a zero, golo da autoria do belga Origi aos 83 minutos.

O jogo começou e soube-se logo que este jogo seria bastante equilibrado. Na 1ª parte, nenhuma das seleções teve muitas oportunidades para fazer o primeiro golo da partida. Mas, a ocasião mais clara para marcar foi aos 43 minutos e pertenceu à Rússia com o avançado russo Kokorin a rematar como destino as redes dos belgas, mas, mais uma vez, o guardião belga Courtois conseguiu evitar o golo da Rússia.

Aos 83 minutos, a faltarem apenas 7 minutos para o apito final, surge o craque Eden Hazard a aparecer perto da área adversária, que assiste para o seu colega Origi que faz o primeiro e único golo da partida.

Na 1ª jornada deste Campeonato do Mundo, os belgas venceram a seleção argelina pela margem mínima de duas bolas a uma, somando assim 3 pontos. Hoje, somaram mais 3 tentos, ficando com 6 tentos em apenas dois desafios, o que garantiu a passagem desta seleção para os oitavos-de-final da competição mundial. Já a seleção de origem africana, somou apenas um ponto, ao empatar com a Coreia do Sul por uma bola igual devido ao enorme erro do guardião russo Igor Akinfeev ao tentar defender um remate dos coreanos que deu origem ao golo da seleção asiática.

Neste Grupo H as seleções favoritas de passar desta fase-de-grupos são a seleção da Bélgica e da Argélia devido aos bons jogadores que estas seleções têm no seu plantel.

Daniel Basto

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

Mundial 2014: Argentina bate o Irão nos minutos finais (1×0)

 

   A seleção sul-americana venceu esta tarde o seu segundo desafio do Mundial 2014, ao vencer o Irão de Carlos Queiroz pela margem mínima de uma bola a zero, com golo marcado já nos minutos finais desta partida.

   O Irão foi a seleção que demonstrou mais ambição de vencer este jogo, já que foi a equipa que teve mais oportunidades de fazer golo, mas, pelo lado negativo, os iranianos tiveram menos de metade da posse de bola.

   No 2º tempo, pareceu que a Argentina estava a acordar no jogo, tanto na defesa como no ataque, mas os defesas do Irão estiveram a 100% no jogo travando sempre os contra-ataques dos argentinos. O árbitro fez uma péssima exibição, deixando por assinalar duas faltas a favor do Irão dentro da área do guarda redes argentino Romero aos 53 e 78 minutos, o que poderia dar a vitória do Irão.

   Já no tempo de descontos, quantos todos os adeptos previam um empate a zero, surge  remate do argentino Lionel Messi fora de área aos 90’+1, permitindo a 2ª vitória da Argentina nesta FIFA World Cup 2014, no Brasil.

   Na 1ª jornada, o Irão terminou o jogo frente à Nigéria com um empate a nulo, enquanto a Argentina venceu a Bósnia e Herzegovina pela vantagem mínima de 2-1.

   Estas duas seleções mundiais defrontaram-se apenas pela 2ª vez, a primeira foi em 1977 com um empate de uma bola.

 

Daniel Basto

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

Mundial 2014: Coreia do Sul surpreende Rússia (1×1)

10431496_594378084003246_5729291820422893684_n

A Rússia empatou, ontem, surpreendentemente, contra a Coreia do Sul, num duelo em que não havia margem para dúvidas em quem ia vencer. Mas a teoria ficou de lado, e a paixão e o empenho sobrepuseram-se, da parte dos sul-coreanos.

O jogo começou bem disputado, com bons momentos de finalização, para ambos os lados. Aos 20 minutos, a Rússia podia ter feito o primeiro. Após o intervalo, logo aos 47 minutos, os russos dispuseram de uma ocasião soberba, através de Berezutski,após um canto.

Quem não marca,  arrisca-se a sofrer, e foi o que aconteceu. Aos 68 minutos, Keun-Ho consegue o golo para a sua seleção, num remate bastante inofensivo, mas Akinfeev, que até então estava a fazer uma excelente exibição, piorou as coisas, ficando muito mal na figura. Um autêntico “ganso”…

A partir daí, quem mandou no jogo foi a Rússia, que responde com um golo, aos 74 minutos, por Kerzhakov, numa recarga após defesa do guardião sul-coreano. De resto, apenas a destacar aos 90+3′ poderia ter sido o 2-1 para os russos, com Samedov a rematar por cima, ele que tinha Kerzhakov numa excelente posição para finalizar.

Neste momento, no grupo H, a Bélgica lidera com 3 pontos, e logo atrás está a Rússia e a Coreia do Sul, com 1 ponto, enquanto que a Argélia mantém-se no último lugar, sem qualquer ponto.

 

João Neves

 

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

 

Bélgica vence a Algéria pela margem mínima (2×1)

Argélia Bélgica

    Fellaini desbloqueou a Bélgica, Mertens arrumou com o assunto: a solução estava no banco, como diria o outro. 
Foi pouco face às expectativas, mas o suficiente contra uma Argélia que se foi apagando progressivamente ao longo da partida.

   A Argélia evitou tornar-se a primeira seleção a não marcar em seis jogos de Mundiais consecutivos, o que constituiria um novo recorde. Também o facto de ter marcado aos 25 minutos a livrou de se tornar a seleção com mais minutos sem marcar qualquer golo na competição: o recorde de 517 minutos da Bolívia mantém-se por apenas 11 minutos!

   Depois da vitória da Suíça contra o Equador, também por 2-1, este é o segundo jogo deste Mundial a sofrer uma reviravolta fruto de duas substituições.

   Bélgica: segunda vitória nos últimos dez jogos em Campeonatos do Mundo. 11º jogo sem perder em provas oficiais (jogos amigáveis excluídos).

   Kevin De Bruyne, da Bélgica, foi considerado o melhor jogador em campo.

Daniel Basto 

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

Mundial 2014: Bélgica defronta Algéria

Imagem

 Mineirão, em Belo Horizonte, recebe, provavelmente, a equipa que mais expetativa comporta neste Mundial. Éden Hazard é o construtor de um futebol ofensivo e organizado, comandado pelo experiente selecionador Marc Wilmots, e que conta com uma geração de jovens talentos que se misturam com outros experientes, como Kompany ou Van Buyten. Steven Defour, do FC Porto, é o «representante luso» nesta equipa dos diabos vermelhos.

    A Bélgica passou com distinção pela fase de qualificação europeia, com oito triunfos e dois empates, qualificando-se no primeiro lugar do grupo A. Esta é a 12.ª participação da Bélgica em Campeonatos do Mundo.

    A Argélia, apesar de nos últimos anos ter melhorado a sua imagem internacional, não é, de todo, uma das equipas de destaque deste Mundial ou das quais se espera muito, chegando à maior prova de seleções do Mundo pela quarta vez na sua história

   Os argelinos chegam ao Mundial depois de um bom desempenho na qualificação: cinco vitórias e uma derrota no grupo H, mais dois triunfos no play-off de acesso, sobre o Burquina Faso.

Daniel Basto 

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

Mundial 2014: Portugal goleado pela Alemanha (0x4)

 

Imagem 

   Os germânicos venceram esta noite o seu jogo inaugural do Mundial 2014, ao golear a nossa seleção de Portugal por quatro bolas a zero.

   O craque alemão, Thomas Müller, que marcou três golos num único jogo, deu a vitória à Alemanha, juntamente com Hummels que marcou o segundo golo da partida.

   Com efeito, a Alemanha vulgarizou a selecção de Portugal fazendo-a engolir uma goleada de quatro bola sem concorrência.

   O outro golo da partida foi marcado pelo defesa Hummels aos 32 minutos. Mas antes, foi a vez do maestro Müller dar as cordiais saudações ao melhor jogador do mundo aos 12′ através da conversão de um penalti.

   O craque alemão tornou-se o primeiro jogador a marcar três golos num único jogo e liderá isoladamente a lista dos marcadores da prova.

Daniel Basto 

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

 

Mundial 2014: A seleção de Carlos Queirós joga frente à Nigéria

Imagem8  Num grupo em que Argentina e Bósnia são vistas como as grandes candidatas a seguir para os oitavos-de-final, Irão e Nigéria procuram conquistar os primeiros pontos e intrometer-se nas contas dos mais fortes.

   Comandados pelo português Carlos Queiroz desde 2011, os iranianos fizeram uma fase de qualificação de bom nível, apesar de terem desiludido durante os jogos de preparação. O português fez imensas experiências e até chegará ao jogo inaugural com algumas dúvidas.

   Apesar de toda essa incerteza, certo é que a confiança reina no grupo iraniano. “Estamos muito satisfeitos com o esforço e comprometimento destes jogadores. Tenho a certeza de que vão mostrar essa energia contra a Nigéria. O mundo vai ficar surpreendido com o nosso jogo”, disse o preparador de guarda-redes Daniel Gaspar.

   Quanto a Carlos Queiroz, deixou a entender que será provável uma aposta num esquema defensivo, mas sem que jogue um futebol agradável. “Podemos jogar um bom futebol mesmo à defesa. Ninguém espera um Mundial com pessoas irresponsáveis. Uma coisa é defender, outra é jogar o futebol negativo”, explicou-

   Quanto aos nigerianos, mostraram estar de sobreaviso depois do encontro entre Holanda e Espanha. Obi Mikel, grande referência da turma africana, utilizou esse exemplo para mostrar que é preciso estar alerta. “O resultado da Espanha contra a Holanda mostra que tudo é possível. Por isso, temos a certeza de que nos aproximamos de jogos sérios e precisamos jogar bem”, disse.

   O Arena da Baixada foi o estádio mais barato deste Mundial’2014, pois apenas sofreu obras de remodelação, tendo mantido boa parte da antiga estrutura, o que explica o resultado – um estádio quadrado, que parece um simples prédio no meio de bairros sociais de casas de um ou dois andares.

   A última vez que Irão e Nigéria se defrontaram foi a 28 de janeiro de 1998, tendo na altura os africanos ganho o jogo amigável por 1×0. Nessa altura, Tomislav Ivic, técnico já falecido que em Portugal passou por FC Porto e Benfica, era o selecionador do Irão, sendo que os nigerianos eram orientados por Bora Milutinovic.

Onzes Oficiais:

IRÃO:                                              

GR: Haghighi;

DE:Heydari,

DC: Haji Safi e Hosseini

DD: Sadeghi;

ME: Nekounam,

MC:Timotian,

MD:Montazeri;

EE: Ghoochannejad,

ED: Dejagah

PL: Poolad

NIGÉRIA:

GR: Enyeama;

DE:Ambrose,

DC: Oshaniwa e Oboabona

DD: Omeruo;

ME: Onazi,

MC: Obi Mikel,

MD: Ramon Azeez;

EE: Victor Moses,

ED: Ahmed Musa,

PL: Emenike

Daniel Basto

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

Mundial 2014: Portugal defronta a Alemanha

Imagem1

   A seleção portuguesa inaugura esta tarde o seu primeiro desafio do Mundial 2014, no Brasil, ao defrontar os germânicos no primeiro jogo do Grupo G desta competição mundial.

   Os alemães comandados por Joachim Löw, tem algumas estrelas no seu excelente plantel, como o guarda redes Manuel Neuer, o número 19 Mario Gotze, e ainda Lukas Podolski, o avançado dos britânicos do Arsenal. Mas os rivais de Portugal nesta tarde  também contam como algumas ausências nos seus convocados, como é o caso de Marcos Reus, que se lesionou no último jogo de preparação para o Mundial 2014 dos alemães, partida em que os bávaros venceram, goleando a Arménia por seis bolas a uma.

   Estas duas seleções já se defrontaram apenas cinco vezes, a primeira no Europeu de 1984, acabando por ficar um empate de zero a zero no marcador da partida. Nestes cinco jogos, os alemães venceram três, em 2006, 2008 e 2012, Portugal venceu apenas um, no Europeu de 2000, e apenas um jogo terminou empatado, em 1984.

   A última derrota da Alemanha foi  há já quatro anos, no Mundial 2010, frente à Espanha, enquanto Portugal também saiu derrotado, há quatro anos, também contra a seleção do nosso país vizinho.

   O jogo realiza-se no estado brasileiro de Salvador, onde o palco é a Arena Fonte Nova. Inicia-se às 13:00 brasileiras, 17:00 horas em Portugal Continental e no Arquipélago da Madeira. O árbitro que irá arbitrar esta partida é o sérvio Mazic Milorad.

Daniel Basto

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!

Mundial 2014: Argentina vence Bósnia pela margem mínima (2×1)

Argentina x Bósnia e Herzegovina 15.06.2014
A Argentina venceu, ontem, a Bósnia Herzegovina por 2-1, um resultado que, tal como a exibição, deixou muito a desejar à seleção albiceleste. No seu primeiro desafio em fases finais em Campeonatos do Mundo, a Bósnia fez uma boa exibição e desperdiçou várias oportunidades para chegar ao empate.

Pode-se dizer que a Argentina entrou praticamente a ganhar.  Mal começou o jogo, Kolasinac, na própria baliza, marcou aquele que iria ser o primeiro golo do jogo, mas também o primeiro golo da Bósnia em fases finais do Campeonato do Mundo. A partir daí, a Bósnia teve uma boa resposta com várias oportunidades, criadas por Pjanic e Dzeko, o principal destaque desta seleção. Porém, aos 65 minutos, jogada entre Aguero e Lionel Messi, com o número 10 a fazer um belo golo, ele que, até então, não tinha aparecido muito no jogo. A Bósnia manteve-se fiel e não deixou de criar oportunidades de golo, e, a cinco minutos do final dos 90′, Ibisevic consegue o tento de honra para os bósnios, com um remate em que a bola passa por entre as pernas de Sergio Romero, guardião argentino.

No final do jogo, a posse de bola era de 54/46, o que permite concluir que a Bósnia, apesar da derrota, fez um bom arranque, e, pelo contrário, a Argentina mostra um défice de qualidade, apesar dos dois golos que marcou.  Com isto, a Argentina soma 3 pontos, enquanto que a Bósnia não ganha qualquer ponto, sendo que Irão e Nigéria se irão defrontar hoje, em Curitiba.

 

João Neves

 

Mundo do Futebol | Notícias de minuto a minuto!